terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Resenha - O Exterminador do Futuro

Advinha quem está atrasado com esse post? Pois muito que bem, estou aqui pra tirar essa dívida com vocês! Terminei de ler O Exterminador do Futuro ainda na maratona literária de inverno e confesso que gostei bastante do livro , chegando a dar até 5 estrelas. Mas vamos por partes :)



Na verdade, o livro é baseado no filme Exterminador... que recentemente saiu até filme. Porém eu não assisti, não sei porque mas não tive vontade. 


O livro começa já mostrando aos leitores um panorama da cidade de Los Angeles. Uma cidade como qualquer outra. Mas na verdade o que estamos prestes a acompanhar é o próprio Exterminador, no qual pela lógica, ele veio do futuro com uma missão 'X' que vocês descobrem lendo, e que envolve Sara. Uma jovem possivelmente recém formada do ensino médio, no qual a mesma trabalha de garçonete em um restaurante pacato da cidade. A jovem divide o apartamento com a sua melhor amiga, Ginger. A relação delas é bem bacana de se acompanhar até porque ela namora com Matt. Um personagem super cômico que em alguns momentos me tirou umas risadas. Mas esse clima de flores não dura tanto tempo.


O que nós acabamos "descobrindo" é que existe 3 ''Saras" na história e o exterminador ficará encarregado de procurar todas até conseguir encontrar a "certa"(tudo isso com um propósito...) Outro personagem que acaba aparecendo como o "Herói" de tudo é o Reese. Ele foi mandado de um futuro distante, para meio que impedir que a Sara sofra o pior, a morte nas mãos do Ciborgue suicida. 


Então a partir da metade do livro, iremos acompanhar a trajetória da Sara e do Reese. Eles se conhecem de uma forma totalmente abrupta porém aos poucos os fatos acabam, unindo-os. E cada vez mais ficaremos presos a sensação de estar sempre seguidos e vigiados 24 horas. O que deixou o livro bem mais interessante. Sobre a história não posso contar mais pois se não será spoilers. Vamos a edição :)


Já começamos com essa folha de guarda SENSACIONAL! Pirei quando abri o livro (de capa dura) e me dei de cara com essa cor forte que tem tudo a ver com o clima do livro.


O simbolo da Editora DarkSide


De um ângulo diferente


Volta e meia acabamos vendo esse tipo de "gráfico" nos capítulos. O que eu achei um tanto quanto, diferente.



Dentro do livro, veio um folheto do filme e um anúncio pra aplicativo relacionado ao filme que estava no verso do papel.



O livro conta com notas de rodapés. Um método infalível pra auxiliar o leitor na hora da referência desconhecida haha



O livro conta com cenas do filme. E obviamente foram colocadas nos lugares certos pra cada cena. O que me ajudou bastante pois nunca vi os filmes :x




Não preciso dizer mas nada!


Olhando assim parece até que o livro é quase um calhamaço mas não. Ele possui por volta de 300 páginas ^^




A edição além de ser capa dura, é daquelas de soft touch. O ruim é só que depois de um tempo fica manchas de dedos mas tirando isso. Nada a reclamar. 


De uma forma geral, eu gostei bastante do livro. Leitura rápida , ritmo eletrizante e o término quase um paradoxo.  Recomendo pra todos que gostam de livros de suspense pois esse aqui cumpre bem seu papel. Então se vocês já leram, me avisem pra gente conversar. 

"A dor é uma ferramente. Às vezes, quando ela é irrelevante, você pode simplesmente desconecta-la"

Até a próxima!

Visite também :)
Facebook | Twitter | Youtube | Instagram |

0 comentários:

Postar um comentário